Blog do J Araújo
  >Um osso chamado Brasil

Tinha um grande osso. E vários cães sentido o cheiro, procurava de onde vinha. Ah, pra chegar nesse osso precisava do aval da população que tinha sobre o seu poder a coleira que os prendiam. Uma fêmea dos cães que fazia parte da matilha, muito esperta, começou a latir apoiada pelo cão-mor que naquele momento tomava conta do osso. Mesmo assim precisava agradar aqueles que segurava a coleira. E não é que conseguiu convencer. Com isso impôs a sua vontade. Sabendo que o osso ainda tinha muita carne a maioria dos outros cães começou a apoiar a ideia. Um dia também podia roer daquele osso.


Estamos passando por um momento difícil, tanto econômico quanto político, o país está afundando a cada dia que passa, e os governantes (i) responsáveis não quer largar esse osso chamado Brasil. A todo o momento é descoberta mais uma falcatrua dos nossos políticos. Quando ocorre de alguém sair quem está substituindo também tem um passado nebuloso.

A Polícia Federal nunca trabalhou tanto, colocando essa corja atrás das grades.  Apesar dos pesares, vejamos os aspectos positivos: - pela primeira vez na historia do país estamos passando a limpo o Brasil a limpo nos livrando dos corruptos (principais), presidentes, ex-presidente, deputados, senadores, etc. precisamos aplaudir o lado positivo de tudo isso. A operação “Lava Jato” nos expôs a podridão por trás do poder. E isso nos dá esperança de saber que um dia pode melhorar. Nenhuma mal dura para sempre.

Estamos vemos que o Brasil está nas mãos de uma “quadrilha” qualificada, mesmo assim aos poucos estão sendo desvendados os segredos aos menos atentos sobre as coisas que acontece ao seu redor. Os porcos, os cães e todos os demais mamíferos deixam rastros por onde passam. Agora precisam os caçadores (diga-se, Policia Feral) montar as arapucas para prendê-los mesmo que não seja de uma só vez. 

Tanto se fala em falta de verba pra isso e para aquilo enquanto milhões e milhões de dólares são desviados para contas particulares dos nossos políticos. É tanto dinheiro que dificilmente ouvimos falar em R$. Eles falam em 5 milhões de dólares como se estivessem falando de 5 mil reais. Enquanto isso a saúde, a educação, a segurança no país está um verdadeiro caos. Perdemos toda nossa esperança nesses homens.  Vamos colocar nossa esperança em Deus.
(a)  J Araújo 

Tinha um grande osso. E vários cães sentido o cheiro, procurava de onde vinha. Ah, pra chegar nesse osso precisava do aval da população que tinha sobre o seu poder a coleira que os prendiam. Uma fêmea dos cães que fazia parte da matilha, muito esperta, começou a latir apoiada pelo cão-mor que naquele momento tomava conta do osso. Mesmo assim precisava agradar aqueles que segurava a coleira. E não é que conseguiu convencer. Com isso impôs a sua vontade. Sabendo que o osso ainda tinha muita carne a maioria dos outros cães começou a apoiar a ideia. Um dia também podia roer daquele osso.


Estamos passando por um momento difícil, tanto econômico quanto político, o país está afundando a cada dia que passa, e os governantes (i) responsáveis não quer largar esse osso chamado Brasil. A todo o momento é descoberta mais uma falcatrua dos nossos políticos. Quando ocorre de alguém sair quem está substituindo também tem um passado nebuloso.

A Polícia Federal nunca trabalhou tanto, colocando essa corja atrás das grades.  Apesar dos pesares, vejamos os aspectos positivos: - pela primeira vez na historia do país estamos passando a limpo o Brasil a limpo nos livrando dos corruptos (principais), presidentes, ex-presidente, deputados, senadores, etc. precisamos aplaudir o lado positivo de tudo isso. A operação “Lava Jato” nos expôs a podridão por trás do poder. E isso nos dá esperança de saber que um dia pode melhorar. Nenhuma mal dura para sempre.

Estamos vemos que o Brasil está nas mãos de uma “quadrilha” qualificada, mesmo assim aos poucos estão sendo desvendados os segredos aos menos atentos sobre as coisas que acontece ao seu redor. Os porcos, os cães e todos os demais mamíferos deixam rastros por onde passam. Agora precisam os caçadores (diga-se, Policia Feral) montar as arapucas para prendê-los mesmo que não seja de uma só vez. 

Tanto se fala em falta de verba pra isso e para aquilo enquanto milhões e milhões de dólares são desviados para contas particulares dos nossos políticos. É tanto dinheiro que dificilmente ouvimos falar em R$. Eles falam em 5 milhões de dólares como se estivessem falando de 5 mil reais. Enquanto isso a saúde, a educação, a segurança no país está um verdadeiro caos. Perdemos toda nossa esperança nesses homens.  Vamos colocar nossa esperança em Deus.
(a)  J Araújo 


Escrito por J Araújo às 18h51
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Refletindo sobre o Salmo 23

 

No momento em que a humanidade passa por grandes turbulências e o noticiário nos deixa cada vez mais desanimados com as falcatruas que o homem apronta em quase tudo que põe a mão.  No Brasil não é diferente, estamos vivendo momentos de incertezas onde cada um defende-se como pode. Preferi deixar o assunto política de lado e focar  no Salmo 23.

O Salmo 23 é um dos mais conhecidos da Bíblia. Logo no primeiro versículo, temos lá, *“O Senhor é meu pastor, nada me faltará”.* No versículo dois... "Faz-me  repousar e me conduz a águas tranquilas". Que maravilha! No terceiro versículo diz..."restaura o vigor e me guia nas veredas da justiça". No versículo quatro diz que:  "mesmo que eu andar no vale de trevas e morte o teu cajado e tua vara me protegem". 

No versículo cinco disse que "O Senhor prepara um banquete a vista dos meus inimigos". E finalmente no versículo seis; “Sei que a bondade e a fidelidade me acompanharão por todos os dias da minha vida”. Quanta hipocrisia daqueles que acham que tendo o Senhor como pastor nada irá lhe faltar. Aquele que julga ser o Senhor o seu pastor será que está fazendo por merecer? Se ele é seu pastor, o que você tem feito por Ele? Supondo que todo servo deve ser submisso ao seu Senhor. O servo como a própria palavra indica significa pessoa de serviço, ou escravo, isso mesmo! Escravo.

A partir do momento que escolho o Senhor para ser o meu pastor, devo seguir os ensinamentos desse Senhor.  E esse Senhor aqui é Deus, é dele que estamos falando. Em primeiro lugar, colocar a vontade de Deus e não a minha. Se ele é seu pastor, você deve se colocar no lugar da ovelha e não querer escolher o pasto. E, a verdadeira ovelha conhece e obedece ao seu pastor, conhece até a sua voz e não desvia do caminho daquele que a pastoreia.

O mundo está cheio de sofrimentos e pessoas derrotadas por não conhecer; tem muitos que ouve a palavra, mas não guarda a mensagem.  Tem muitos que conhecem a palavra de Deus, porém insiste em não andar nos caminhos do Senhor; querem trilhar seu próprio caminho; com certeza, se não mudar vai continuar na derrota. Está escrito, não é da vontade de Deus que ninguém sofra.

"Não se amoldem ao padrão deste mundo, mas transformem-se pela renovação da sua mente, para que sejam capazes de experimentar e comprovar a boa, agradável e perfeita vontade de Deus. (Romanos 12:2) aquele que se amoldar com as coisas desse mundo não está agindo de acordo com a palavra de Deus. E o povo que segue a Deus se torna forte e realiza proezas saindo sempre vencedores.  

A bondade e a misericórdia hão de seguir aqueles que se colocarem como verdadeiras ovelhas. Obedecendo a Palavra de Deus transmitida pelo seu filho Jesus Cristo,  habitaremos um dia na casa do Senhor. “Não se perturbe o coração de vocês”. Creiam em Deus; creiam também em mim. Na casa de meu Pai há muitos aposentos; se não fosse assim, eu lhes teria dito. Vou preparar-lhes lugar. E se eu for e lhes preparar lugar, voltarei e os levarei para mim, para que vocês estejam onde eu estiver. João 14:1-3)

Não seja egoísta em querer Deus só pra você, fale do seu amor para todas as pessoas, mostrando que Ele enviou seu único filho Jesus Cristo para morrer na  cruz  para salvação de todo aquele que nele  crê e for batizado será salvo. (Marcos 16:16). Se você não buscou Deus ainda, está esperando o que? E pra isso, Jesus está pronto a receber a todos que o procura para ser seu elo com o Deus Pai. Ele disse: aquele que busca acha; aquele que bater a porta abrirá. O que você está esperando? Amanhã poderá ser tarde demais!

J Araújo

*baseado em Salmo 23

 



Escrito por J Araújo às 20h21
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Identidade perdida

Estava lendo há algum tempo, um artigo,  em um jornal falando sobre pessoas que passam a vida perambulando pelas ruas dos grandes centros urbanos dormindo em baixo de pontes, viadutos e marquises de lojas. Também são vistos em praças públicas nas noites de verão.  São pessoas que foram esquecidas pela sociedade.  O jornal citava o exemplo de um senhor que havia falecido em novembro do ano passado às margens de um córrego de uma grande avenida da cidade.  Esse senhor desconhecido pelas autoridades após sua morte o cadáver foi recolhido e encaminhado para o necrotério municipal onde ficou a espera que alguém reclamasse seu desaparecimento, porém, passados seis meses não apareceu ninguém que se interessasse pelo mesmo.  


Foi sepultado como indigente devido à falta de documentação que provasse sua identidade. Não apareceu quem quer que seja, ficou sem amigos, sem família, na verdade, sem dignidade.  O caso desse senhor serve apenas para ilustrar bem a maioria dessas pessoas que perambulam pelas ruas, a maioria delas envolvidas com á so desse senhor serve apenas para ilustrar bem a maioria dessas pes lcool e drogas na ilusão que essa atitude vai melhorar ou fazer com se esqueça o mundo em que viva. No cemitério, não havia quem chorasse sua falta, como acontece na maioria dos velórios e enterros de pessoas que arrastam dezenas, às vezes centenas de acompanhantes para uma despedida final.

 

No lugar onde deveria constar um nome, apenas a palavra desconhecido, aparece em uma cova rasa, sem flores e  mais nada que possa indicar que ali também tem repousado um ser humano que nasceu, viveu e morreu sem deixar nenhuma história escrita. Segundo os funcionários do local,  muitas vezes, são enterrados de uma só vez dezenas de pessoas que não havendo reclamação dos cadáveres acabam sendo levados a um local especifico para esse tipo de sepultamento. Assim como sua vida seus pertences também foram esquecidos e deixados em baixo da ponte onde morava; um colchonete, um cobertor desses mais barato e um pedaço de plástico que, provavelmente, o mesmo usava para se proteger do frio. Pessoas que morrem nas cidades sem identificação são enterradas em um minuto sem nenhum ritual e com a presença apenas dos coveiros. São sepultados sem oração ou despedida. Vivem e morrem como anônimos.  

 

 

 

(a) J araújo



Escrito por J Araújo às 17h10
[] [envie esta mensagem] []


 
  OAB dá titulo póstumo a advogado de escravos

No final de 1840, com 10 anos de idade, Luiz Gama foi colocado à venda em Campinas depois de ter sido vendido pelo pai, em Salvador, para pagar dívidas de jogo. Mas ninguém comprou. Ficou, no mercado da última cidade do País a abolir a escravidão, como uma espécie de mercadoria encalhada. Era baiano, e escravos baianos tinham fama de rebeldes, de fujões. Gente assim não era boa para ter nas fazendas. O menino cresceu, construiu uma história extraordinária e tornou-se um rábula — conhecedor de leis que exerce a advocacia sem ser advogado. Sua história ganhará mais um capítulo na terça-feira. A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) lhe concederá, após 133 anos de sua morte, o título de advogado.

A homenagem ocorrerá em cerimônia na Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo, que preparou uma série de eventos em homenagem a Luiz Gama para discutir o seu legado, a escravidão e os direitos sociais, entre outros temas. Nesse evento, a OAB oficialmente irá inscrever em seus quadros o jurista, uma das grandes figuras do abolicionismo. Será a primeira vez na história da ordem que uma cerimônia assim ocorrerá.

Mesmo que tardia, é o reconhecimento a um negro liberto que se tornou libertador de negros — ele conseguiu alforriar, com recursos judiciais, mais de 500 escravos. Rábula, poeta, abolicionista, Gama tem sua história ligada a Campinas pela escravidão. Nascido livre, filho de mãe africana liberta e de pai português, acabou vendido em Salvador e levado ao Rio de Janeiro, ao traficante português chamado Vieria, que revendeu a “mercadoria” junto com um lote de cem escravos para o alferes Antônio Pereira Cardoso. Depois de chegar ao Porto de Santos, o menino e os outros negros do lote tiveram que vir a pé até Campinas.

Como mercadoria encalhada, acabou virando escravo doméstico na propriedade do alferes, em Lorena. Lá, aos 17 anos aprendeu a escrever. Alfabetizado, fugiu do cativeiro e se alistou na Força Pública da Província, graduando-se cabo. Ficou ali até 1854, quando, segundo consta em sua biografia, deu baixa por um incidente que ele classificou como “suposta insubordinação”, já que apenas se limitara a responder o insulto de um oficial que ele classificou como “suposta insubordinação”, já que apenas se limitara a responder o insulto de um oficial.

Gama tentou cursar direito no Largo São Francisco, na Universidade de São Paulo (USP), mas, por ser negro, enfrentou a hostilidade de professores e alunos. Mesmo assim, persistiu como ouvinte das aulas. Não concluiu o curso, mas o conhecimento adquirido permitiu que atuasse na defesa jurídica de negros escravos. Conseguiu provar sua condição de livre e se tornou um grande defensor da abolição. Conseguiu, via judicial, libertar muitos negros. Alguns textos falam em mais de mil libertos.

Destacou-se como jornalista e projetou-se na literatura em função de seus poemas, em que satirizava a aristocracia e os poderosos de seu tempo. Gama se autodenominava Orfeu da Carapina. É reconhecido como um dos grandes representantes da segunda geração do romantismo brasileiro. Em 1869, fundou com Rui Barbosa o jornal Radical Paulistano e em 1880 foi líder da Mocidade Abolicinista e Republicana. Ele ganhou notoriedade por defender que, ao matar seu senhor, o escravo agia em legítima defesa. Morreu em 24 de agosto de 1882 e está sepultado no Cemitério da Consolação, em São Paulo.

Escrito por:

Maria Teresa Costa/AAN



Escrito por J Araújo às 17h54
[] [envie esta mensagem] []


 
 
Outro dia, entrei em um supermercado para comprar orégano e adquiri uma embalagem (saquinho) do produto, contendo 3 g, ao preço de R$ 1,99. Normalmente esse tipo de produto é vendido nos supermercados em embalagens que variam de 3 a 10 gramas.

Cheguei em casa e resolvi fazer os cálculos e constatei que estava pagando 
R$ 663,33 pelo kg do produto. Será que uma especiaria vale tudo isso? Agora, com mais este exemplo abaixo de produtos vendidos em pequenas porções, fico com a sensação que as indústrias se utilizam "espertamente" desse procedimento para desorientar o consumidor, que perde totalmente a percepção real do valor que está pagando pelos produtos.

Acho que todos os fabricantes e comerciantes deveriam ser obrigados por lei (mais
 uma?) a estamparem em locais visíveis, os valores em kg, em metro, em litro etc. de todas e quaisquer mercadorias com embalagens inferiores aos seus padrões de referências.

Entendo que todo consumidor tem o sagrado direito de ter a percepção correta e transparente do valor cobrado pelos fabricantes e comerciantes em seus produtos. VEJAM O ABSURDO: Você sabe o que custa quase 
R$ 13.575,00 o litro? Resposta: TINTA DE IMPRESSORA! VOCÊ JÁ TINHA FEITO O CÁLCULO? Veja o que estão fazendo conosco. Continue lendo quanto custa este pacote.





Escrito por J Araújo às 21h45
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Informação de extrema importância para prevenção do câncer


Diante da grande incidência de câncer da tireoide que vem atacando, principalmente as mulheres, achei por bem publicar este texto que minha esposa recebeu em um grupo do WHASTAPP e ficou surpresa com a informação que o mesmo trás. Segundo a informação, o perigo começa exatamente quando as mulheres vai fazer o exame para prevenção do câncer de mama. Assim começa o relato de uma telespectadora não especificado a data, apenas o dia da semana...

Na quarta-feira, o Dr. Varela, (ao que tudo indica deve ser Dr. Dráuzio Varella, médico oncologista, cientista e escritorfez um programa mostrando o porquê do câncer da tireoide estar se expandindo rapidamente entre as mulheres. Ele afirmou que possivelmente possa ser um resultado das radiografias dentárias e das mamografias. No avental que protege os radiologistas odontológicos, há uma pequena PESTANA que pode ser levantada e encostada ao pescoço (cobrindo a glândula tireoide).

Normalmente não é usada. Há também um PROTETOR de Tireoide para uso durante as mamografias... Mas é necessário pedi-lo ao radiologista. Agora vem o comentário. Ontem, coincidentemente, fui fazer uma mamografia e perguntei ao técnico pelo protetor de tireoide e completamente seguro de si, ele o tirou de uma gaveta. Perguntei-lhe: Por que você não me ofereceu espontaneamente? E ele respondeu: "Não sei, mas basta pedi-lo".

ABSURDO! Eles sabem, mas ao que parecem são orientados pelos patrões da “máfia médica” a não oferecerem para diminuir custos. Agora eu me pergunto: como é que eu me lembraria de pedir, se não tivesse visto aquele programa? Agora, você que esta lendo já sabe, espalhe e exija os seus direitos!

Compartilhe esta informação com suas AMIGAS e AMIGOS, peçam para que ELES também ajudem a divulgar para suas mães, irmãs, primas, esposas, namoradas, vizinhas, amigas, enfim! E que eles peçam para todos fazerem o mesmo e divulgar também pelas ruas, trabalho, etc. Quanto maior o número de pessoas informadas, principalmente mulheres, muitas vidas serão poupadas”! 




Escrito por J Araújo às 19h32
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Pouca coisa mudou

Interessante que o texto do mês de maio de 2009 parece tão atual, nele fiz um relato dos acontecimentos daquele momento que estávamos passando. Percebi que teve apenas algumas modificações. Lá no caso do primeiro parágrafo o ano está praticamente no final e aqui estamos realmente no final. Partidos políticos esses nascem e continuam nascendo com uma facilidade, a cada nove meses (rs) tem um. No momento segundo registros no (TSE) Tribunal Superior Eleitoral temos 35 partidos políticos. Servem pra que? Alguns dizem que é pra alugar. Não sei, nunca pertenci a nenhum, mas pelo que a gente vê e ouve por aí parece ser verdade.


No segundo parágrafo com referencia ao Deputado dono de um castelo aquilo deu em nada. As operações da Polícia Federal, essas continuam cada vez mais frequentes desbaratando quadrilhas e mais quadrilhas de políticos cada vez mais organizadas. Está aí o caso da Petrobrás e todo dia aparece mais alguém envolvido que não é o trabalhador que se suja de óleo nos campos de exploração.

No terceiro parágrafo diante de tanta roubalheira alguns estão presos, por pouco tempo. Lembram-se do mensalão? Segundo as autoridades envolvidas nas apurações o que aconteceu lá significa uns trocados diante do caso Petrobrás. Não tivemos um surto de gripe suína, mas sim uma epidemia de dengue na maior parte do Brasil onde centenas de vidas foram perdidas.

No quarto parágrafo as autoridades disseram que conseguiram repatriar alguns valores para os cofres públicos que havia sido desviado. Alguns dos envolvidos resolveram de muito “boa vontade” devolverem altas quantias que estava em paraísos fiscais. A justiça pouco mudou, continua lenta. E finalizando!

No quinto e ultimo parágrafo podemos ver que os poderes continuam se chocando como meteoritos perdidos no espaço,  quando o Poder Legislativo não faz o que deveria ser feito o Poder Judiciário entra em cena. O Poder Executivo fica no meio dos dois sem ação e no momento tanto o Poder Executivo quanto o Legislativo continua desacreditado. E assim nós, homens e mulheres de fé vamos aumentando cada dia mais nossa dia nossa esperança em Deus.

 (a) J Araújo



Escrito por J Araújo às 13h07
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Carga transportada de maneira irresposável

Imagem: Arquivo pessoal

Diante das dificuldades que passa a economia a população brasileira de menor poder aquisitivo é a que mais sofre diante do desemprego que assola todas as regiões do País, principalmente aqueles subempregados, que dependem, antes de tudo, da retirada do sustento no dia a dia, e acaba e com isso, muitas vezes, colocando em risco a vida de outras pessoas com suas atitudes irresponsáveis. Suas necessidades por mais prementes que sejam não as isentas de suas responsabilidades diante dos demais cidadãos.


Uma carga transportada, nessas condições de maneira irresponsável, transitando pelas ruas movimentadas dos grandes centros urbanos acaba colocando em risco a integridade física de outras pessoas, podendo acarretar em graves acidentes. Quero com isso alertar nossas autoridades, não somente de Campinas, SP responsáveis pela fiscalização do trânsito ficar mais atentas a essas irregularidades praticadas constantemente nas ruas e avenidas.


Também, devemos reconhecer, é de suma importância o serviço prestado por esses trabalhadores incansáveis que recolhem os lixos recicláveis, evitando que toneladas desses, materiais que poderiam estar sendo descartados irregularmente nas ruas e posteriormente indo parar nos rios e lagos causando poluição ao meio ambiente está sendo utilizados para sustentar muita gente. Está dado o recado!

Imagem: Arquivo pessoal




Escrito por J Araújo às 15h39
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Vamos continuar vendo pessoas morrendo

Imagem: Revista Veja
O numero de casos de dengue em Campinas (SP) de acordo dados  divulgados  pela Secretaria Estadual da Saúde passou dos 61 mil casos. Destes, 11 pessoas morreram este ano no município em decorrência da doença.  No Estado, a cidade tem o maior numero de casos de dengue de toda a sua história, ganhando inclusive da capital.

Em um encontro com prefeitos e secretários municipais de saúde na ultima quinta-feira, ficou acertado a contratação de mais 500 agentes por meio da Superintendência de Controle de Endemias (SUCEN), para auxiliar em ações preventivas no combate ao mosquito Aedes aegypti transmissor da doença.

A prefeitura de Campinas (SP) contratou vários Agentes de Controle Ambiental (ACAS). Ocorre que, a Prefeitura Municipal de Campinas paga e eles (os agentes) fazem de conta que trabalham. Só o prefeito não vê isso.  Enquanto o serviço de combate ao mosquito não for feito por funcionários realmente comprometidos com a população vamos continuar vendo pessoas morrendo vítimas da dengue. Antes da contratação dessa mão de obra ser contratada, o trabalho era prestado por funcionários do Cândido Ferreira, com bons resultados, mas, eles (funcionários) trabalhavam.

Onde já se viu, os funcionários entram no trabalho as 08:00 horas, sai para o campo de trabalho entre 09:00 e 09:30 horas, dependendo da distancia vai chegar no setor a ser visitado entre 09:30 e 10:00 horas, retornam  as 11:00 horas de onde saíram, isto é, para a base para almoçar.  Retornam para o campo entre 13:00 horas  e 13:30 horas repetindo a mesma coisa, estes mesmo funcionários sai do trabalho as 16:00 horas e, para isso retornam de onde estavam pelo menos uma hora antes.

A pergunta que fica é! Até quando vamos assistir esse estado de coisas em que o brasileiro fica calado sem saber em quem confiar e recorrer na hora em que mais precisa. Enquanto isso o mosquito da dengue se prolifera em todos os cantos da cidade. Qualquer pessoal pode entender meu raciocínio lógico. Vejo isso de perto todos os dias desde a contratação desses agentes. Está explicado porque a cidade é uma das campeãs de casos de dengue no Estado de São Paulo.
(a) J Araújo



Escrito por J Araújo às 19h58
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Períodos das estações do ano

Imagem: Arquivo pessoal/J Araújo
O brasileiro deve estar pensando: será o que está acontecendo com esse país? Às vezes chega um momento em que perdemos a noção de tudo. Em um momento ao olharmos pra tudo que está acontecendo achamos que não temos governo, mas aí descobrimos que temos porque é ele (governo) nos trai de todas as maneiras. Mas vamos deixar esse assunto para outra hora.
Imagem: Arquivo pessoal/J Araújo
Nem sei por que toquei no assunto. A finalidade deste, na verdade, não é falar de governo, mas sim do tempo, ou melhor, das estações do ano. Afinal de contas o mundo, ou melhor, o tempo que Deus criou tudo é perfeito. O homem distribuiu os meses em estações,  e a primavera se antecipou e aqui podemos ver o quanto ficou bonita a avenida coberta de flores do ipê  rosa. E as estações ficaram assim divididas em períodos:

- Outono: de 21 março a 21 de junho                              
- Inverno: de 21 de junho a 23 de setembro
- Primavera: de 23 de setembro a 21 de dezembro
- Verão: de dezembro a 21 de março.
Imagem: Arquivo pessoal/J Araújo
Podemos ver o que a natureza nos proporciona e, uma delas, as flores chamam a nossa atenção. E os ipês, rosa, brancos ou amarelos deixam os ambientes mais coloridos dando um toque especial a paisagem poluídas das cidades.
Mas, de alguns anos pra cá tudo está tão mudado. Em um mesmo dia sentimos a sensação de várias estações ao mesmo tempo. É um inverno em que não sentimos frio e olha que a primavera só começa dia 21 de setembro e já podemos ver os ipês enfeitando várias avenidas da cidade em pleno “inverno”, é ou não para nos deixarem desorientados.  O ipê branco então, é uma raridade. Mas olha ele aí enfeitando a Avenida Itamarati em Campinas, SP.

Pode gostar também de:  

(a) J Araújo


Escrito por J Araújo às 21h09
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Ser humano vem nos atender com aquela voz de robô


Cada dia que passa fica mais difícil enfrentar problemas com telefonia celular no Brasil esta mais comum. Por isso, o governo fez uma lei, que para ajudar os consumidores, toda empresa de telefonia, deve ter um serviço de ouvidoria (ou ombudsman), ou seja, auxilio aos usuários que estão tendo problemas. Ocorre que isso não está sendo respeitado, como sempre acontece nesse país.  É só ver o que acontece com a lei do atendimento eletrônico que a primeira opção era você poder cancelar o serviço. Isso não é respeitado.

Primeiro ouvimos um monte de ‘abobrinha’, e quando somos atendidos por um ser humano vem com aquela voz de robô, aí na verdade, é que nosso problema está apenas começando. Quando contamos todo o nosso problema aquela voz diz que não é com ela e transfere nossa ligação onde começamos tudo de novo. Isso quando a ligação não “cai”! Muitas vezes depois de várias tentativas frustradas alguns acabam desistindo da reclamação e muda o problema, de nome, (outra operadora). 

Abaixo se encontra alguns números para a utilização da ouvidoria de serviços da telefonia móvel do país. A ouvidoria da TIM está disponível pelo e-mail 
ouvidoria@tim.com.br. Você pode tentar ligar do seu celular para o número *144 ou se preferir, de um telefone fixo 0800 741 4141  A Oi disponibiliza, Ouvidoria Oi 0800 729 5678Ligue para *144 do seu Oi ou 1057 de qualquer telefone. 

telefone do SAC da Vivo para Ouvidoria é o 0800-7751212. Para ligar direto do céu celular –*8486 ou de um telefone fixo para o numero 1058 que é atendimento para os clientes e não clientes.  Telefone do SAC da operadora Claro, essa não disponibiliza nenhum telefone de ouvidoria, apenas aqueles já conhecidos de todos1052.  O que devemos prestar atenção é que algumas empresas não informam o número da ouvidoria, por isso entrem em contato com o SAC e peça que o mesmo informe, é seu direto a utilização deste serviço. 
(a)  J Araújo


Escrito por J Araújo às 20h38
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Inimigos da natureza

Aquelas pessoas que respeitam os outros e querem ser respeitadas, quando deparam com uma cena dessas, ficam imaginando quem foi o covarde que fez isso. Pois, na maioria das vezes, esses incêndios são provocados por covardes que não respeitam a natureza. Quem faz isso não merece ser chamado de gente. 

Imagem: J Araújo
Deve ser uma pessoa sem o mínimo de consciência e respeito com o meio ambiente. Nos revolta quando isso acontece.  Infelizmente tenho visto isso frequentemente acontecer em uma mesma áreaesse ano. Quem faz isso deve ser bem infeliz.

É uma área de preservação que as poucas árvores existentes tentam resistir, mas algumas pelo pequeno porte não resistem e acabam morrendo. 

Basta o mato secar e aparece alguém para riscar um fósforo e tudo virar cinza, somente este ano, essa é a segunda vez que o local é incendiado criminosamente. É revoltante. A pessoa que faz isso, já que gosta tanto de fogo, deveria arranjar um monte de gravetos fazer uma fogueira e sentar em cima. Esse tipo pode ser chamado de verdadeiros inimigos da natureza.

Ate parece que nunca tiveram a oportunidade de sentar à sobra de uma arvore. Estou me segurando para manter o texto dentro dos padrões aceitáveis de leitura. E, em respeito aos leitores vou manter a linha e engolir várias palavras. 

Se você também se indigna quando depara com isso compartilhe o texto para que mais pessoas possam também tomar conhecimento dessas barbaridades que são cometidas por pessoas tão ignorantes que não respeitam a natureza; vivem botando fogo em tudo que é mato seco que encontra em seus caminhos. Com atitudes grotescas como essa, merece nosso total desprezo.

(a) J Araújo


Escrito por J Araújo às 22h26
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Melhor perguntar para o governo

É muita ousadia. Sempre que entro nessa Rede Social,  tem essa pergunta: "No que você está pensando"? Hoje resolvi dar uma resposta. Bom, o que estou pensando e feito é o que a maioria dos trabalhadores brasileiros pensam e fazem. Trabalhamos mais ou menos quatro meses do ano somente para pagar impostos para o governo e, percebemos que esse montante não nos é devolvido em forma de serviços públicos decentes, (de qualidade) quando precisamos deles.

Não precisamos ser economistas pra ver isso. Basta fazer as contas, pagamos várias vezes às mesmas coisas. Ao possuir um carro pagamos um absurdo de impostos que vem embutido no preço. Para exemplificar pagamos o IPVA, que é o (Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores), o licenciamento, o seguro obrigatório, depois, se quisermos ter um pouco mais de tranquilidade temos que contratar uma seguradora.  Ah, mas não acabou por aí. Ao pegarmos uma estrada temos que desembolsar o dinheiro dos pedágios.

Na educação não é diferente. Se quisermos uma escola de qualidade para nossos filhos temos devemos colocar os mesmos em escola particular. Aí você pergunta: “mas, eu paguei todos os meus impostos!”. Eu também paguei. Por que você acha que nas faculdades públicas está a maioria dos filhos de “papai”? Estudaram nos melhores colégios particulares. Não acabou. Tem mais! Por que você acha que cresce assustadoramente os sistemas de segurança privada?

Meios eletrônicos etc. e tal. Pagamos por segurança e não temos como deveria. Se você quiser ter uma segurança um pouco melhor, pague uma segurança privada. Pensa que acabou. Como você está mal informado (a).  Temos a saúde. Essa então é um caso a parte. Temos no Brasil um sistema de saúde chamado SUS (Sistema Único de Saúde), um modelo pensado para todos os brasileiros. É mal gerenciado. Ainda vem o governo e disse que o SUS é o melhor de todo mundo. Quando alguém do governo fica doente corre pra onde? Claro que nenhum escolhe um hospital público. O ex-presidente Lula e Dilma é um disso.

O governo disse que investe milhões no sistema, mas o dinheiro na maioria das vezes não chega, ou chega pela metade, se perde no ralo da corrupção. Ai de você se ficar doente e necessitar do sistema. Bom, pra encurtar o assunto se você quiser um atendimento melhor e um pouco mais ágil o melhor a fazer é contratar um plano de saúde. É o que você acaba fazendo. Mas, e os meus impostos? Melhor você perguntar para o governo.

(a) J Araújo

 



Escrito por J Araújo às 22h21
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Você sabe o que é caviar, o governo do Maranhão prepara uma licitação


Imagem da web
Tem uma música do grande cantor e compositor Zeca Pagodinho, que fez muito sucesso, que diz o seguinte: "você sabe o que é caviar? E ele mesmo responde: nunca vi nem comi eu só ouço falar"... e por aí vai. O que tem chamado atenção do Brasil e do mundo nos últimos dias, inclusive da ONU, (organização das nações Unidas) é as barbáries que estão sendo praticadas pelos próprios presos no Complexo Penitenciário de Pedrinhas no Estado do Maranhão. 

Lá os presos, em uma demonstração de força e poder, implantaram a pena de morte e tem feito do complexo uma verdadeira carnificina, onde a moda é decapitar os desafetos e gravar em vídeos, pelos celulares, suas façanhas. Em uma verdadeira terra de ninguém!  Onde a governadora Roseana Sarney, deveria mostrar que manda, já que a família que expandir seus domínios muito além do sofrido Maranhão.

Mas, existe outra notícia, não menos importante, que chama atenção. Veja! O governo do Estado, mesmo diante da crise resolveu abrir um pregão para despesas da governadora, isso inclui sua casa de veraneio, para compra de gêneros alimentícios. O pacote incluía, segundo publicado na grande imprensa 70 kilos de lagosta fresca, para abastecer a despensa da governadora Roseana Sarney (PMDD), o cerimonial do Executivo realizará na próxima sexta-feira uma licitação para contratar uma empresa para organizar eventos e serviço de Buffet para atos públicos em todo o Estado do Maranhão ao longo do ano de 2014.

Com custo estimado em R$ 1,4 milhão, o pregão prevê pagar R$ 103,61 por convidado em almoços e jantares e exige, em um dos cardápios, servir canapé de caviar. Os gastos com a despesa do cerimonial do governo maranhense, segundo consta, são superiores, por exemplo, ao que o Ministério da Justiça, por meio do Fundo Penitenciário Nacional, investiu em três presídios federais no ano passado: Catanduvas (PR), R$ 1,2 milhão; Mossoró (RN), 1,1 milhão; Porto Velho (RO), R$ 1,3 milhão.

Depois da repercussão, o governo adiou duas licitações que ocorreria ontem e hoje. No pacote de hoje estaria incluído wisk escocês, champanhe francês, vinhos imputados, caviar entre outras iguarias. A população de um estado pobre que convive com a falta de investimentos em saúde, segurança e educação tem um governo que esbanja recursos públicos em eventos que nada mais é que promoção pessoal. Enquanto isso, em muitos lugares centros de saúde e escolas precárias está precisando de verbas para funcionar. Mas tudo isso, é o espelho da população que continua sendo manipulada pelos senhores de engenho, e mesmo passado mais de um século, a família Sarney continua mandando e desmandando no Estado. (As imagens são chocantes, caso você seja sensível, melhor não vê-las),


Escrito por J. Araújo às 20h24
[] [envie esta mensagem] []


 
  >Bolívia revista avião da FAB à procura de asilado


"No inicio de julho o presidente da Bolívia, Evo Morales, foi protagonista de um episodio que provocou uma crise diplomática envolvendo vários países. Morales retornava da Rússia quando teve o seu avião proibido de sobrevoar o espaço aéreo da Itália, Espanha e Portugal, sendo obrigado a pousar na Áustria, onde foi revistado pela Policia Nacional". Nesse caso, era o ex-consultor da Cia, Edward Snowden, o alvo da caçada.

Porém antes, em 2011, segundo consta o alvo do governo boliviano foi a “caça”, o alvo foi um avião da Força Aérea Brasileira (FAB), que levava a bordo o ministro da Defesa, Celso Amorim, retornando de Santa Cruz de La Sierra, onde cumpria agenda oficial, quando policiais bolivianos entraram na aeronave com cães farejadores e fizeram uma revista minuciosa. O motivo? O governo desconfiava que no avião estivesse o senador boliviano de oposição Roger Pinto Molina, asilado na embaixada do Brasil em La Paz, havia mais de um ano.

A informação, mantida em segredo pelos dois países, partiu de fontes do governo brasileiro, que também comentaram sobre uma carta emitida pelo Itamaraty à Morales, repudiando a atitude radical do governo daquele país. A resposta foi um simples pedido de desculpa. O ministro Celso Amorim, tinha viajado ao país para acertar as negociações de doação de helicópteros para o combate ao narcotráfico nas fronteiras dos países.

E foram justamente questões relacionadas ao narcotráfico que levou o senador oposicionista Roger Pinto Molina, a pedir silo político ao Brasil. O senador da oposição é acusado em 20 processos judiciais movidos pelo poder público, após denunciar que funcionários do alto escalão do governo boliviano estavam envolvidos com o narcotráfico. E tudo isso só veio à tona agora. Não sabemos quem está certo ou errado, o que não podemos é ser alvo de alguns governos truculentos que tentam ganhar visibilidade com ações de quebra de protocolos internacionais. E o governo Morales é um deles. Quando ocorreu o fato do seu avião não poder sobrevoar o espaço aéreo dos países mencionados no inicio do texto, o mesmo subiu nas tamancas. 

(a) J Araújo


Escrito por J. Araújo às 14h25
[] [envie esta mensagem] []


 
  [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]  
 
 



Meu perfil
BRASIL, Sudeste, CAMPINAS, Homem, de 56 a 65 anos, Portuguese, Livros, Automóveis
Outro - +5519993966659



HISTÓRICO


    CATEGORIAS
    Todas as mensagens
     politica
     poesias
     cronicas
     textos



    OUTROS SITES
     Notas & Notícias
     Serras de Minas


    VOTAÇÃO
     Dê uma nota para meu blog!